Futebol

A volta da Premier League

POR: Gustavo de Oliveira Souza

A partida entre Liverpool x Norwich marcou o retorno do campeonato inglês após a parada das férias.

Os Reds derrotaram a equipe do Norwich por 4×1. Todos os gols do Liverpool foram marcados na primeira etapa, com detalhe para o primeiro gol. Grant Hanley marcou contra o primeiro gol do campeonato. Salah fez o segundo, Van Dijk fez o terceiro de cabeça e antes do quarto gol de Origi, Alisson saiu contundido e deu lugar para o estreante Adrián.

Ainda na primeira rodada acontecem outros jogos interessantes. No sábado, logo cedo, às 08:30, o Manchester City visita o West Ham, em Londres. Os Citizens nesta janela de transferências perderam o experiente Vincent Kompany, o belga foi para o Anderlecht, clube no qual Kompany iniciou a carreira. O City também viu Danilo e Delph se transferirem para outros clubes. Na negociação do lateral brasileiro, o Manchester City adquiriu em contrapartida o português João Cancelo, entretanto, irá desembolsar 28,6 milhões de euros como compensação financeira para a Juventus. No lugar de Delph, chegou o jovem lateral Angeliño, que estava no PSV. E, como nome mais forte, Rodri chega para dar mais opções e qualidade para o meio campo. O espanhol, chega do Atlético de Madrid com muita expectativa.

Pelo lado do West Ham, que perdeu um dos seus principais atacantes, Arnautovic, para o futebol chinês, Pablo Fornals e Haller chegam para fortalecer o time. O jovem espanhol Fornals, estava no Villarreal desde 2017, já Sébastien Haller, veio do Eintrach Frankfurt, e é a contratação mais cara do time londrino. Pelos 40 milhões de euros gastos, o West Ham deposita investimento alto no atacante, que substitui a ausência de Arnautovic.

Os Spurs encaram o recém promovido para a primeira divisão, Aston Villa. O Tottenham teve de maior deixa no elenco, o lateral vice-campeão europeu e quarto colocado na Copa do Mundo, Trippier. O inglês, que tinha muita importância no lado direito ofensivo dos Spurs, agora defende o Atlético de Madrid. Para reforçar o time, vieram contratações pontuais e muito importantes. Ao contrário da última temporada, em que não ocorreram chegadas de jogadores, nessa janela, Ndombélé, Lo Celso e Sessegnon chegam para reforçar. A vinda desses três jogadores deixa o elenco mais forte e com várias alternativas para Mauricio Pochettino trabalhar.

O time do Villa Park investiu bastante na janela de verão. Sem grandes perdas no elenco e com boas chegadas. Começando pelo experiente e seguro goleiro Heaton, que estava no Burnley. Outro que também veio de um rival da Premier League é o zagueiro Mings, comprado junto ao Bournemouth. E para fechar, os brasileiros Douglas Luiz e Wesley. Douglas, com passagens pela seleção olímpica e, que disputou o Torneio de Toulon, no qual se destacou, estava emprestado para o Girona na última temporada e, foi comprado junto ao Manchester City por 16,8 milhões de euros. Já Wesley, atacante de 22 anos, que estava no Club Brugge, da Bélgica, se tornou a maior contratação do Aston Villa. Foram gastos 25 milhões de euros e, esse investimento, juntamente com os outros, precisam fazer efeito. Na busca para continuar na primeira divisão.

Arsenal e Newcastle se enfrentam no domingo na busca dos primeiros pontos em jogo. Os Gunners movimentaram bastante nesta janela de transferências. Welbeck e Ramsey saíram sem custos, para Watford e Juventus, respectivamente. Além do zagueiro francês, Koscielny, que jogará agora pelo Bordeaux, após transferência de 5 milhões de euros e, também Iwobi, que se transferiu para o Everton, por 30,4 milhões de euros. Porém, reforços de peso chegaram. Começando pela defesa, que foram as últimas transações realizadas, David Luiz e Tierney. O zagueiro brasileiro trocou os times, mas não a cidade. Saiu do Chelsea para o Arsenal, o que deixou muitos torcedores dos blues inconformados. Tierney saiu do campeonato escocês para a Premier League. O jovem lateral-esquerdo disputará posição no time titular com Kolasinac e Nacho Monreal. No meio campo, Dani Ceballos chega de empréstimo junto ao Real Madrid, para dar mais opções a Unai Emery. E, no ataque, o jovem brasileiro Gabriel Martinelli, que se destacou no campeonato paulista, pelo Ituano, foi comprado pelo Arsenal e deve ganhar experiência e competitividade no campeonato inglês. Também para a linha de frente, Nicolas Pépé, a estrela do Lille, foi comprado por 80 milhões de euros, contratação mais cara da história dos Gunners, e promete ajudar muito dentro de campo.

O Newcastle, por sua vez, perdeu dois nomes importantes no ataque, Joselu e, principalmente, Ayoze Pérez, que se transferiu para o campeão de 2015/2016, Leicester. E, para repor as perdas, o time do St. James’ Park contratou dois jovens de 22 anos, Saint-Maximin, junto ao Nice, da França e, o brasileiro Joelinton, que se tornou, mais uma vez nessa janela, a contratação mais cara, dessa vez do Newcastle. O atacante se destacou no Hoffeinheim e foi comprado por 44 milhões de euros.

Para fechar a rodada, o jogo de 12:30, do domingo, Manchester United x Chelsea. Os Blues, por conta de punição, não puderam comprar jogadores nesta janela de transferências. Pulisic, chega do Borussia Dortmund para reforçar a equipe londrina. O Chelsea havia comprado o jogador na janela de inverno e, por isso pôde contar com o jogador para reforçar o elenco. Kovacic, que estava emprestado junto ao Real Madrid, foi comprado pelos Blues e agora, ficará em definitivo. Em contrapartida, Higuaín, que estava emprestado ao Chelsea, volta para Turin, defendendo a Juventus. E, para o maior desespero dos torcedores dos Blues, a maior estrela da franquia, Eden Hazard, como já se esperava, se transferiu para o Real Madrid. Com essa transação, o Chelsea arrecadou 100 milhões de euros para os cofres.

Já o United, ao contrário do esperado, não conseguiu reforçar o elenco do jeito que gostaria. Lukaku fechou com a Inter de Milão e se despediu dos Red Devils. E, chegaram, Wan-Bissaka e Maguire, para serem titulares e, James para compor elenco. O meia Daniel James, estava no Swansea e, é uma promessa na qual o Manchester investiu. Logo no começo da janela o lateral Aaron Wan-Bissaka foi comprado, junto ao Crystal Palace, por 55 milhões de euros. E, para contar com um zagueiro de qualidade, os Red Devils desembolsaram muita grana para tirar Harry Maguire do Leicester. 87 milhões de euros foram gastos com o zagueiro, que se tornou o mais caro do mundo na posição.

Portanto, muitas mudanças ocorreram nos times da Premier League nesta janela. A corrida pela título promete ser emocionante, as vagas para a Liga dos Campeões devem ser muito disputadas, muitos investimentos foram feitos para os times que subiram se manterem na elite e, a chegada do VAR. Esse é o campeonato inglês que está começando.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta