Futebol Internacional

Premier League: 25ª rodada

POR: Gustavo de Oliveira Souza

A rodada 25 da Premier League foi muito movimentada. O sábado já começou com um confronto entre o terceiro e o quarto colocados. O Leicester recebeu a equipe do Chelsea no King Power Stadium, em partida bastante disputada. Os londrinos abriram o placar com Rudiger, no início da segunda etapa. Alguns minutos depois, Barnes, o único não-defensor a marcar, empatou o jogo. Dez minutos depois, aos 64′, Chilwell virou para os Foxes, mas de novo, o zagueiro Rudiger chegou às redes e deixou tudo empatado. Final: Leicester 2×2 Chelsea

O Norwich foi até Newcastle enfrentar o time da casa. Mas o zero não saiu do placar no St. James Park. Os canários tiveram um pouco mais de posse de bola e a partida contou com mais de trinta finalizações, porém mesmo assim os goleiros Dúbravka e Krul saíram de campo com “clean sheet”. Final Newcastle 0x0 Norwich

O Sheffield United surpreendeu o Crystal Palace no Selhurst Park. Após escanteio aos 58′, o goleiro do Palace, Guaita, falhou e entrou com bola e tudo pra dentro do gol, fazendo contra o único gol da partida. Com a vitória, o Sheffield passou o Manchester United e o Wolves na tabela, ocupando a 6ª posição. Final: Crystal Palace 0x1 Sheffield United

A partida entre West Ham e Brighton foi marcada por muitas chances criadas e muitos gols para os dois lados. Aos 30′, o zagueiro Issa Diop fez o primeiro gol do jogo. O West Ham ampliou no finalzinho do primeiro tempo, com Snodgrass. Ogbonna, o outro zagueiro do West Ham também marcou, mas contra, no segundo minuto da etapa final, diminuindo para os visitantes. O meia Snodgrass fez o terceiro gol dos Hammers, e seu segundo na partida. Aos 75′, Pascal Groß fez mais um para o Brighton, e quatro minutos depois, o centroavante Murray empatou o jogo. Final: West Ham 3×3 Brighton

Na disputa entre times da parte de baixo da tabela, o Bournemouth venceu o Aston Villa. Billing, aos 37′, e Aké, aos 44′, marcaram para o Bournemouth. No segundo tempo Lerma foi expulso e o time da casa ficou com um a menos. O Villa ainda conseguiu diminuir, mas não conseguiu empatar o jogo. Final Bournemouth 2×1 Aston Villa

No Vicarage Road, o Watford abriu dois gols no marcador. Masina, aos 10′, e Pereyra, aos 42′, marcaram para os Hornets. Porém, o time visitante do Everton não ficou abatido, e ainda na primeira etapa empatou a partida. O zagueiro Mina fez dois gols nos acréscimos. Na segunda etapa, o meia Delph foi expulso e o Everton ficou com um a menos, mas mesmo assim o time de Liverpool conseguiu o terceiro gol, consequentemente a virada. Walcott, aos 45′, deu os três pontos aos visitantes. Final: Watford 2×3 Everton

O Liverpool venceu mais uma, e de goleada. Dentro do Anfield, os Reds marcaram quatro vezes na segunda etapa e sacramentaram a vitória em cima do Southampton. Oxlade-Chamberlain, aos 47′, Henderson, aos 60′ e Salah, aos 71′ e 90′, fizeram os gols para os líderes. Final: Liverpool 4×0 Southampton

O Wolverhampton foi mais uma vez um pé no sapato do maior campeão da Premier League. Em Old Trafford, o Manchester United teve mais posse de bola e muitas finalizações, mas não tirou o zero do placar. Os Wolves também não tiveram êxito nas boas chances que criaram e não superaram o goleiro de Gea. Final: Manchester United 0x0 Wolverhampton

Burnley e Arsenal também não conseguiram ultrapassar a marca da cal e fazer gols. Cada equipe finalizou apenas duas vezes na direção do gol e não foram eficientes. Com isso, as equipes continuam empatadas em números de pontos no meio da tabela. Final: Burnley 0x0 Arsenal

Em Londres, no estádio do Tottenham, o time de Mourinho levou a melhor em cima dos comandados de Guardiola. O Manchester City, mesmo jogando fora de casa, teve quase 70% de posse de bola e 19 finalizações, mas nada disso refletiu no marcador. Em contrapartida, os Spurs foram dar o primeiro chute no gol aos 63′, e esse chute foi o suficiente para abrir o placar, e foi feito pelo estreante Bergwijn. Aos 71′, o coreano Son ampliou para o time londrino. Antes dos gols do Tottenham, Zinchenko havia sido expulso, aos 60′, contribuindo para a importante vitória dos Spurs. Final: Tottenham 2×0 Manchester City

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta